AFA - Associação da Família Almeida - Fundada em 1980 - Fortaleza/Ce

02/08/2007

Problemas com o Blog

 

Devido aos problemas neste blog criamos um outro no seguinte endereço :
http://blogdaafa.blogspot.com/


Escrito por Sérgio Almeida às 07h38
[] [envie esta mensagem]



Proteção de cabeça defende jogadores de futebol contra danos cerebrais

 

 

Usar uma proteção na cabeça pode ajudar a reduzir o risco de problemas cerebrais em jogadores de futebol, segundo um estudo canadense publicado no British Journal of Sports Medicine. Alguns estudos já vêm demonstrando que os jogadores estão expostos a danos cerebrais. E os pesquisadores disseram-se surpresos em descobrir que o risco de concussões cerebrais, traumatismo craniano leve com perda imediata de consciência, no futebol são tão freqüentes quanto no hóquei e no futebol americano, considerados mais violentos. Em pesquisa com atletas entre 12 e 17 anos de idade de um clube canadense, eles observaram que, na temporada 2006, 52,8% dos jogadores tiveram concussões, contra apenas 26,9% entre os que usavam a proteção autorizada pela Fifa.


Escrito por Sérgio Almeida às 07h29
[] [envie esta mensagem]


01/08/2007

Dia – 14/07/07 8:00  h as 11:00 h – café da manhã.

Neste meio tempo sugerimos uma caminhada ou banho de mar com direito também a um mergulho na piscina.

11:30  h – Saída para um passeio a cidade de São José de Ribamar balneário e santuário do Santo do mesmo nome da grande devoção dos maranhenses.

13:30  h – Parada para almoço em restaurante nas imediações a escolher.

15:00  h – Retorno ao Araçagi e pausa para descanso.

17:30  h – Saída para passeio em companhia do casal Iralda e Alfredo que serão seus anfitriões a partir desse horário. Com direito a missa em horário a escolher  se for o caso, seguida de um gostoso lanche .

20:00  h -  Saída para o Convento das Mercês onde vocês irão assistir o melhor do folclore maranhense e se deliciar com a culinária típica, no São João Fora de época do Vale Festejar.

23:00 h – Retorno a praia do Araçagi e uma boa noite de sono.

 

Dia 15/07/07 8:00 h as 11:00 h café da manhã. Opcional – caminhada na praia e banho de piscina.

12:00  h – A partir desse horário começam a chegar os familiares  do casal Iêda e Zildêni para o costumeiro almoço do domingo quando vocês terão  oportunidade de conhecer grande parte da nossa família. Como sugestão ainda podemos fazer um tour pelas praias da nossa ilha de São Luis e ainda comer um maravilhoso caranguejo.

14:00 h – Almoço e em seguida tarde livre.

18:00 h -   Saída para o aeroporto.

19:20 h -   Embarque para Fortaleza pela Gol. Final da nossa programação.

Não poderíamos deixar de citar o nome da nossa querida AFA, pois foi através dela que tivemos a maravilhosa oportunidade desse convívio amigo.

Que Deus nos permita sempre iniciativas como esta. (Ieda)”

 

Por Sergio Cartaxo – Fortaleza-(CE)


Escrito por Sérgio Almeida às 19h54
[] [envie esta mensagem]



Fim das Férias e das viagens... Vamos matar a saudade!!!

 

Para quem pensou que foram somente as passagens de avião para São Luis, o prêmio que a prima Iêda ofereceu, errou! Ela proporcionou mais do que uma passagem de avião, ou melhor dizendo, a “IêdaTUR” (muitos risos) ofereceu um pacote turístico com uma programação completa, vejamos abaixo a programção:

 

“Joselia, Arnaldo Felipe e Diane,

Sejam Bem Vindos!

É com grande prazer e muita alegria que recebemos você em nossa família. Esperamos que tenha feito boa viagem e desejamos que a sua estada  em nossa terra seja a mais agradável possível. Para isso elaboramos com carinho um calendário com uma programação bem acolhedora para que possa desfrutar da melhor maneira estes dias aqui em São Luis.

Esperamos que aprecie!

 

Dia – 13/07/07 13:05  h – Chegada no Aeroporto Internacional Marechal Cunha Machado. Translado à praia do Araçagi para a casa de praia do casal Iêda e Zildêni, onde serão hospedados.No percurso passaremos na Padaria Pão Nosso de propriedade do casal Iralda e Alfredo onde será oferecido o almoço.

16:00  h -   Saída do Araçagi em direção ao centro da cidade onde faremos city-tour  pelo Centro Histórico considerado pela Unesco Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade.

20:00  h – Chegada ao apartamento do casal Iêda e Zildêni onde será servido o jantar.

Logo a seguir se ainda houver fôlego e disposição, poderemos fazer um reconhecimento pelos barzinhos pitorescos na orla da Lagoa da Jansen. Retorno à praia do Araçagi para uma boa noite de sono e fim do primeiro dia.

Continua...

Por Sergio Cartaxo – Fortaleza-(CE)


Escrito por Sérgio Almeida às 19h53
[] [envie esta mensagem]



 

Como se manter jovem 

       1. Experimente de tudo duas vezes.

       Na lápide de Madams (de "Whelan's and Madam") ela diz que gostaria

de ter o seguinte epitáfio: Experimentei de tudo em dobro...

amei duas vezes! 

       2. Mantenha apenas os amigos alegres.

       Os tristes te deprimem. (Tenha isso em mente e certifique-se que

você não é um desses depressivos) . 

       3. Continue aprendendo: aprenda mais sobre computadores, artes,

jardinagem, qualquer coisa. Nunca deixe o cérebro desocupado. "Uma mente

vazia é o ambiente propício para instalação do mal."    E o nome desse mal

é Alzheimer! 

       4. Curta as coisas simples. 

 

 

Enviado por Arlindo de Almeida Simões, Fortaleza/Ce


Escrito por Sérgio Almeida às 06h17
[] [envie esta mensagem]



Simplesmente genial

Vejam o vídeo abaixo até o fim porque realmente vale a pena.

http://www.youtube.com/watch?v=OIJtKxdRQzY+


Escrito por Sérgio Almeida às 05h53
[] [envie esta mensagem]


31/07/2007

Beatriz recebe congratulações de amigas fraternas 

 

Parabens, Beatriz.

 

Tenho grande admiração por você.Com serenidade,simplicidade e sabedoria, voce criou essa família tão bonita. Lembra daquele "namoro" que o Instituto de Cegos teve com você? O Waldo sempre dizia que você era a pessoa ideal para educar aquelas crianças. Mas quem entende os designos de Deus? Com admiração e carinho.

 

Receba um grande beijo da Josélia.

 

 

 

 

 

 

 

Emocionei-me ao ver as fotos publicadas no Blog. Que família linda, tia Beatriz! Meus parabéns por seu aniversário! Espero poder rever essa tia tão querida. As saudades são imensas. A foto de meu pai, José Martins de Almeida, foi uma foto da viagem de despedida dos parentes que ele tanto amava e conservava no coração. Ele havia sido transferido para Porto Alegre e resolveu ir antes ao Ceará. Em Porto Alegre veio a falecer. Meus agradecimentos ao primo Sérgio por ter me proporcionado um momento muito feliz!

 

Com afeto, Déa.

 

 

 

 

 

 

 

Meus sinceros parabéns à Beatriz, esta grande mulher que venceu as adversidades com galhardia. Não é em vão que é muito amada por seus filhos, noras e netos e pela legião de amigos que soube cativar durante estes anos.

 

Carmen


Escrito por Sérgio Almeida às 06h01
[] [envie esta mensagem]



Descontração e Música da boa marcam aniversário de Beatriz

 

Casal Lêda e Inácio, a esq. e próximo à aniversariante, os filhos Luciano e Flávio

 

Diversos amigos, entre os quais alguns músicos que aproveitaram para tocar um pouco, estiveram na tarde de domingo na casa de Beatriz, festejando seu aniversário. Ela matou a saudade do piano, tocando antigos clássicos. Até o genial Acordeonista Adelson Vianna, integrante da Banda do cantor Fagner, foi lá e “deu uma canja”. Entre os presentes também, o casal Lêda e Inácio Rocha, este um ilustre representante da colônia de Cascavel/Ce, cidade onde a aniversariante viveu grande parte da sua vida.

 

Sérgio Almeida Franco, Salvador/Ba


Escrito por Sérgio Almeida às 05h53
[] [envie esta mensagem]


30/07/2007

Sócios da AFA curtem o FORTAL 2.007

 

Guto fez a entrega dos Abadás do NANA aos sócios contemplados. Foram sorteados quatro Abadás, doados por Fausto, em eventos da AFA. A sorte sorriu para Airton Neto, Sâmia, Aélia e Luciana. Soubemos que Mariana e Priscila se juntaram ao grupo e também curtiram o FORTAL 2.007.

Guto fez a distribuição dos Abadás. Na foto, ele com Aélia, uma das felizardas.


Escrito por Sérgio Almeida às 07h14
[] [envie esta mensagem]



Dicas de Português

Por Paulo Ramos


Antes de as duplas entrarem em quadra

Trecho
de artigo sobre a final masculina do vôlei de praia deste Pan:

- Antes
das duplas entrarem em quadra, quando anunciaram o nome do juiz que iria apitar o jogo, alguém gritou: "Juiz ladrão"

Em frases como a vista acima, há a necessidade de escrever de forma separada a preposição (de) e o artigo (as).

Isso ocorre sempre que o verbo seguinte estiver no infinitivo, conjugado ou não.

Outro exemplo do dia:

- Depois de os atacantes (e não "dos atacantes") Marcel e Lenilson serem negociados com o Grêmio e Jaguares de Chiapas, respectivamente, o São Paulo pode ter mais uma baixa ainda nesta semana

Revendo o trecho inicial:

- Antes
de as duplas entrarem em quadra, quando anunciaram o nome do juiz que iria apitar o jogo, alguém gritou: "Juiz ladrão
".

 



E-mail: peramos@uol.com.br


 


Escrito por Sérgio Almeida às 07h06
[] [envie esta mensagem]


29/07/2007

Aniversário de Beatriz

 

 

Beatriz com Luciano

 

Lulu, ao centro, e filhos : Beatriz, João, José e Carlos

 

Hoje é o aniversário de Beatriz Pereira Franco, atualmente a mais antiga integrante da AFA. Como professora de música, foi responsável pela iniciação e formação musical de várias gerações. Muito ligada à igreja, participou intensamente tanto em Fortaleza quanto em Cascavel/Ce, onde residiu vários anos,  da vida religiosa, dirigindo diversos corais e tocado órgão na igreja com grande virtuosismo.

Foi casada com José Martins, já falecido, sendo mãe de Flávio, Luciano e Sérgio. Teve também uma filha, falecida ainda na primeira infância, e José Almar, cujo desaparecimento há quase trinta anos, em um trágico acidente aéreo, deixou-lhe marcas profundas que o tempo não apagou e jamais apagará. É avó de Paulo César (filho de José Almar), Cássio, Túlio, Fausto (de Sérgio), Luciana e Vinícius (de Luciano) Karina e Flávia (de Flávio). Tem duas bisnetas, Karol e Maria Fernanda, filhas de Karina e Cássio, respectivamente.

 

José, Beatriz e filhos : José Almar, Sérgio, Luciano e Flávio (por ordem de idade numa "escadinha" de cinco anos de diferença entre cada um) - foto de 1.958, tirada por Frei Filipe, provavelmente em Cascavel/Ce.

 

Flávio

 

Karina

 

Receba de seus filhos, netos e bisnetas, dos familiares em geral e de todos os que fazem a AFA os mais sinceros parabéns.



Escrito por Sérgio Almeida às 07h00
[] [envie esta mensagem]



Luciano e Vinicius. Abaixo, Luciana


Escrito por Sérgio Almeida às 06h59
[] [envie esta mensagem]



Querida Da. Beatriz,

 

Itacoeli e Beatriz

 

 

Celebra a tua vida

 

Conta teus anos não pelo tempo, mas pelo que fazes no teu coração.

Não pela amargura de uma dor, mas pela ressurreição que ela traz.

Não pelo número de troféus de tuas conquistas, mas pelo gosto de aventura de tuas buscas.

Não pelas vezes que chegastes, mas pelas vezes que tivestes coragem de partir.

Não pelos frutos que tivestes, mas pelo terreno que preparastes e as sementes que lançastes.

Não pela quantidade dos que te amam, mas pela medida do teu coração capaz de amar a todos.

Não pelos anos que fazes, mas por aquilo que fizestes em teus anos.

Não pelas vezes que celebrastes teu aniversário, mas pelas vezes em que teus aniversários se tornam uma celebração de vida.

 

Mensagem superior...

 

Quero externar o mais puro agradecimento pelo empenho diário e sabedoria que trouxe ao mundo, em forma de amor, Sérgio e consequentemente Cássio, Túlio, Fausto e Maria Fernanda.

 

Esperamos com satisfação sua presença em nosso lar que também é seu.

 

Parabéns, saúde e paz, um grande abraço,

 

Itacoeli


Escrito por Sérgio Almeida às 05h34
[] [envie esta mensagem]


28/07/2007

Teresa Cristina agradece

 

 

Caros primos Sérgio e Itacoeli:

 

   Somente hoje pude entrar no blog da AFA, pois estava viajando de férias, mas estou prontamente enviando para vocês minha gratidão por tamanha homenagem por ocasião da minha data natalícia.  Gosto muito de aniversário; meu e de todos que me cercam! Penso que é época de renovação de energia e espiritualidade...Este ano, escolhi passá-lo na serra de Baturité, mas especificamente em Mulungu, na casa de amigos. Voltei muito contente, descansada, disposta ao reinício das aulas e foi com imensa satisfação que li suas palavras sobre mim e minha família.

    Penso que você, caro Sérgio, homenageou muitas pessoas além de mim, pois se sou engajada na AFA, devo à minha mãe: realmente sou filha de peixe...Tenho muitas características boas da família Almeida que faço questão em multiplicar, vejamos: a animação, o interesse pela família, pela leitura, pelo conhecimento e até as pernas grossas...

   Ser presidente da AFA foi muito fácil, na minha época, pois sempre contei com pessoas maravilhosas que continuam à frente da nossa Associação, mas devo reconhecer que você está conseguindo mais do que todos os ex-presidentes juntos...Está trazendo muitos primos queridos de volta, pessoas novas e está dando "sangue novo" aos nossos objetivos...

   Assim, devo-lhe agradecer duplamente: pelas lindas palavras a meu respeito e sobre minha família e por está à frente deste mister(AFA), por vezes árduo, mas sempre prazeroso...

  Um grande abraço a vocês que formam um lindo par...Que Deus os continue abençoando hoje e sempre...


Escrito por Sérgio Almeida às 20h32
[] [envie esta mensagem]



 Gratidão e dor nas pernas

 

Mesmo nas situações mais sérias e trágicas da vida, a gratidão pode ser despertada.

Um internista enviou-me um paciente de mais idade que sofria de freqüentes problemas psicossomáticos nas pernas. As mudanças do tempo, por menores que fossem, ocasionavam violentas dores ao paciente, que mesmo os medicamentos mais fortes não conseguiam controlar. Logo em nossa primeira entrevista o paciente falou de um terrível trauma por que havia passado aos 13 anos de idade, nos últimos dias da guerra, em 1945. Na fuga para o Oeste sua mãe foi morta por soldados da frente inimiga que avançavam. O pai já havia tombado anteriormente. Ele mesmo correu para um bosque, lá foi preso e levado para um campo de prisioneiros, onde teve que passar por toda sorte de maus tratos, em conseqüência dos quais teve as duas pernas quebradas. As pernas não se recuperaram na posição correta, pelo que ele capengava um pouco.

Depois da guerra o homem aprendeu uma profissão simples, casou-se, criou duas filhas e levou a vida sem despertar atenção. Só depois de as duas filhas terem saído de casa, e de sua mulher haver-se separado dele porque o amor esfriara, é que as dores nas fraturas das pernas começaram a se manifestar com freqüência. As dores transformaram-se em um “vazio existencial”, em um crescente esvaziamento de sua vida, tanto mais doloroso quanto mais se aproximava o tempo da aposentadoria.

Enquanto me contava sua vida, o paciente chorava amargamente. Sentia-se alguém prejudicado pelo destino, um enteado da felicidade. “Nos últimos 40 anos eu não rezei mais”, confiou-me ele, “mas nos últimos tempos tenho pensado se não devia pedir ao bom Deus que pelo menos no fim da vida fosse bondoso para comigo e me tirasse essas dores.” Foi esta a palavra-chave. “Sabe de uma coisa?”, disse-lhe eu, “antes de o senhor pedir qualquer coisa, comece a agradecer.” “A agradecer?”, repetiu o paciente, perplexo, dando mostras de que não via nada que merecesse agradecimento. “Sim, a agradecer”, confirmei. “À noite, antes de deitar-se, é o momento ideal para isso. Quando estiver deitado na cama e olhar para sua vida passada, diga para você mesmo – ou para Ele: ‘Naqueles últimos dias da guerra de 1945, eu poderia ter tido mil ocasiões para morrer, mas continuei vivo. Obrigado por isso.’ Então feche os olhos e entregue-se ao sono. No dia seguinte, depois de se ter deitado, diga para você mesmo – ou para Ele: ‘Durante 13 anos eu tive uma mãe. Uma mãe de quem só tenho boas recordações, e por isso eu agradeço.’ E mais uma vez se entregue ao sono. Na noite seguinte diga no seu diálogo interior mais ou menos o seguinte: ‘Em minha juventude eu vivi um período maluco, uma verdadeira loucura. Esse período, no entanto, apenas quebrou minhas pernas, e não a minha alma. Conservei a capacidade de trabalhar por toda a vida e de me sustentar e alimentar minha família. Por isso eu agradeço’.” E desta forma continuamos a lembrar a lista dos motivos de agradecimento que ele tinha.

Algumas semanas mais tarde eu conversei com o paciente por telefone. Ele ia muito bem. “Não é engraçado?”, disse-me ele, “fiquei livre das dores, apesar de ainda nem ter começado as orações de pedido ...”

Aprendamos daí que o bem-estar não tem tanto a ver com as circunstâncias externas da vida quanto se imagina. Tem muito mais a ver com a gratidão pelo grande dom que se chama “vida” e pelo sentido que nela se realiza. Mas podemos estar certos de que em nenhuma circunstância, mesmo nas mais difíceis e dolorosas, a vida deixa de ter sentido. Em todas as situações é possível realizar todo o potencial de sentido que nelas existe. Por isso o caminho para sair de uma fossa emocional é subir os degraus de uma escada que repousa no chão da gratidão, e que chega até o céu das tarefas vitais realizadas.

Texto de Elisabeth Lukas, Sua Vida Tem Sentido, p.167 s.

 Tradução de Carlos Almeida

 


Escrito por Sérgio Almeida às 16h27
[] [envie esta mensagem]



[ ver mensagens anteriores ]
 
 
 
       
   



BRASIL, Nordeste, Mulher, Arte e cultura


Histórico
  01/08/2007 a 15/08/2007
  16/07/2007 a 31/07/2007
  01/07/2007 a 15/07/2007
  16/06/2007 a 30/06/2007
  01/06/2007 a 15/06/2007
  16/05/2007 a 31/05/2007
  01/05/2007 a 15/05/2007
  16/04/2007 a 30/04/2007
  01/04/2007 a 15/04/2007
  16/03/2007 a 31/03/2007
  01/03/2007 a 15/03/2007
  16/02/2007 a 28/02/2007
  01/02/2007 a 15/02/2007
  16/01/2007 a 31/01/2007
  01/01/2007 a 15/01/2007
  16/12/2006 a 31/12/2006
  01/12/2006 a 15/12/2006
  16/11/2006 a 30/11/2006



OUTROS SITES
    site experimental AFA
  Sesc- Fecomércio- Senac- IPDC - Ceará
  Sesc- serviço social do comércio ceará
  Senac- Serviço nacional de aprendizagem comercial
  agir- Agência de Cidadania Responsável
  SOJAZZ
  Blog do Mesquita


VOTAÇÃO
    Dê uma nota para meu blog